Enviar esta página Imprimir esta página

Aprovação Europeia da Tecnologia de Reconstrução Vascular 3-D

Quarta-Feira, 29 de Maio de 2013

St Jude Medical Anuncia Aprovação Europeia da Tecnologia de Reconstrução Vascular 3-D para Auxiliar Médicos na Colocação de Stents

A próxima geração do sistema fornecerá uma visão panorâmica de 360 graus em tempo real das artérias em 3-D

ST. PAUL, Minn.--(BUSINESS WIRE)—16 de Maio de 2013—

St. Jude Medical, Inc. (NYSE:STJ), uma empresa global de dispositivos médicos, anunciou hoje o recebimento da aprovação CE Mark para seu sistema de Otimização de PCI ILUMIEN™ OPTIS™, uma nova tecnologia desenvolvida para fornecer aos médicos uma ferramenta de auxilio para avaliação da doença, no tratamento de pacientes com doença da artéria coronária (CAD). O sistema estará em exibição pela primeira vez na Europa durante o EuroPCR.

Imagem em 3-D do stent dentro da artéria coronária

Imagem em 3-D do stent dentro da artéria coronária feita pelo ILUMIEN™ OPTIS™

O sistema ILUMIEN OPTIS fornece melhorias ao sistema ILUMIEN™, incluindo o inovador software de planejamento para colocação de stent para auxiliar no tratamento da CAD. A plataforma ILUMIEN integra tanto a tecnologia de Fluxo Fracionado de Reserva (FFR) para medir a pressão no interior das artérias coronárias e a tecnologia de imagem por Tomografia de Coerência Ótica (OCT) em um único sistema. 

Com um laser mais rápido e de alta potência, o sistema ILUMIEN OPTIS oferece o dobro de resolução para o exame microscópico da doença dentro da artéria, auxiliando o posicionamento e colocação do stent. A reconstrução tridimensional e em tempo real oferece uma visão panorâmica de 360 graus do vaso, facilitando aos médicos visualizarem a área que estão tratando. A St. Jude Medical é a única empresa que trabalha com estas ferramentas em uma única plataforma integrada.

 “A tecnologia de OCT tem se tornado cada vez mais importante para ajudar no diagnóstico e tratamento de pacientes com doença da artéria coronária. O sistema ILUMIEN OPTIS mostra um avanço significante na tecnologia de imagem intravascular, permitindo aos médicos uma avaliação precisa do vaso em menos tempo e planejar o procedimento de uma forma mais fácil. O formato tridimensional do sistema ILUMIEN OPTIS fornece uma perspectiva mais realista das artérias, o que permite a tomada de decisão individual e orientação precisa da colocação de stent para otimizar as intervenções coronárias,” disse o Dr. Giulio Guagliumi, do Cardiovascular Department of Ospedale Papa Giovannu XXIII, em Bergamo, Itália.

Mais conhecida como angioplastia coronária, a Intervenção Coronária Percutânea (PCI) é um procedimento não cirúrgico utilizado para tratar o estreitamento da artéria coronária em pacientes com CAD.

A tecnologia de OCT no novo sistema ILUMIEN OPTIS utiliza o cateter de imagem Drangonfly™ Duo para capturar imagens quase infravermelhas e medir importantes características dos vasos, que ficaram invisíveis ou muito difíceis de se captar com a tecnologia de imagem antiga. Quando utilizado junto ao ILUMIEN OPTIS, o cateter Drangonfly Duo oferece rapidez, pull-backs mais longos, oque permitirá aos médicos melhor avaliar a artéria do paciente em menor tempo.

A tecnologia wireless do PressureWire™ Aeris™ que é integrada à plataforma, mede as diferenças no fluxo sanguíneo dentro das artérias coronárias determinando a severidade de qualquer estreitamento ou bloqueio. O fio-guia medidor do FFR é direcionado ao longo do vaso, fazendo as medições enquanto é recuado dentro da artéria. Conhecendo qual bloqueio é o responsável pela ineficiência do fluxo sanguíneo para o paciente ajuda a guiar o cardiologista intervencionista a determinar qual ou quais lesões necessitam ou não de stent, gerando melhores resultados para os pacientes e menores custos para a área de saúde.

As medidas de FFR e OCT capturadas pelo sistema ILUMIEN OPTIS permite aos médicos diferenciar com mais facilidade o acumulo de placas e determinar se o estreitamento da artéria esta causando isquemia (uma restrição no fluxo sanguíneo), além de auxiliar na colocação de stent. As ferramentas automatizadas que auxiliam na colocação do stent fornecem informações imediatas ao médico junto a analises em tempo real, tendo como foco otimizar o fluxo de trabalho, potencialmente ajudando os médicos a obter o diagnostico de seu paciente de forma mais rápida.

 “Os avanços no sistema ILUMIEN OPTIS refletem o compromisso da St. Jude Medical com a evolução e inovação de produtos que reduzem custos na área da saúde e melhoram os resultados dos pacientes que sofrem por conta da doença da artéria coronária,” disse Frank J. Callaghan, presidente da Divisão Cardiovascular e Tecnologias de Ablação da St. Jude Medical. “Essa próxima geração de sistemas fornece informações criticas aos médicos sobre a localização e severidade da doença localizada nas artérias coronárias, potencialmente resultando em melhores tomadas de decisão e custo-efetividade do tratamento”.

De acordo com o European Heart Network (EHN), os encargos financeiros para o sistema de saúde da EU relacionado a doenças cardiovasculares é estimado em um pouco abaixo de € 110 bilhões (2006). Isso representa por volta de 10% do total gasto com o sistema de saúde europeu. Por volta de 1/15 do gasto para doenças cardiovasculares esta ligado a doença da artéria coronária.

Os benefícios do PressureWire para FFR da St. Jude Medical são confirmados em seus estudos clínicos, incluindo os estudos FAME e FAME 2. Os estudos demonstraram de forma efetiva a importância do FFR na melhora dos cuidados ao paciente. Resultados do estudo FAME original mostraram que o acontecimento de eventos cardiovasculares adversos mais graves foram significativamente reduzidos em pacientes com o tratamento guiado pelo PressureWire da St. Jude Medical para medição do FFR, ao contrario do tratamento padrão guiado somente pela angiografia. O estudo FAME 2 revelou que o uso de stents para tratar obstruções significativas do fluxo sanguíneo é melhor do que o tratamento medicamentoso sozinho, quando o tratamento é guiado pelo PressureWire da St. Jude Medical. Especificamente, casos de reinternação hospitalar por conta de revascularização de urgência foram reduzidos em 86% quando o PressureWire da St. Jude Medical foi utilizado. Estes resultados somam ao corpo de evidencias, demonstrando melhores resultados e redução de custos com a colocação de stent guiada pelo PressureWire da St. Jude Medical.

Sobre a St. Jude Medical

A St. Jude Medical desenvolve tecnologia médica e serviços que buscam colocar mais controle nas mãos daqueles que tratam pacientes cardíacos, neurológicos e pacientes com dores crônicas mundialmente. A empresa é dedicada a promover a prática da medicina reduzindo os riscos, sempre que possível e contribuir para resultados positivos para cada paciente. A St. Jude Medical está sediada em St. Paul, Minnesota e tem quatro áreas principais de foco que incluem: gerenciamento do ritmo cardíaco, fibrilação atrial, cardiovascular e neuromodulação. Para obter mais informações, por favor, visite sjm.com.

Topo

Declaração Prospectiva

Este comunicado à imprensa contém declarações prospectivas dentro da definição da Private Securities Litigation Reform Act de 1995 que envolvem riscos e incertezas. Tais declarações prospectivas incluem as expectativas, planos e perspectivas para a Companhia, incluindo os potenciais sucessos clínicos, antecipando as aprovações regulatórias e os lançamentos futuros, e as receitas projetadas, margens, lucros e participação de mercado. As declarações feitas pela Companhia são baseadas em expectativas atuais da gerência e estão sujeitas a certos riscos e incertezas que poderiam causar com que os resultados reais difiram materialmente daqueles descritos nas declarações antecipações. Estes riscos e incertezas incluem condições de mercado e outros fatores além do controle da Companhia e os fatores de risco e outras declarações de precaução descritas nos registros da Companhia junto à SEC, incluindo aqueles descritos no Fatores de Risco e seções Prevenção no Relatório Anual da Companhia no Formulário 10-K para o trimestre fiscal encerrado em 29 de dezembro de 2012 e o Relatório Trimestral no Formulário 10-Q para o trimestre fiscal encerrado em 30 de março de 2013. A Companhia não pretende atualizar essas declarações e não assume nenhuma responsabilidade por qualquer pessoa que forneça qualquer atualização sob qualquer circunstância.

FONTE: St. Jude Medical, Inc.